Cesariana

cesarianaSabe-se actualmente que a cesariana tem muitos mais riscos que o nascimento fisiológico. A mamã poderá entrar para o bloco de parto pelo seu próprio pé. Os procedimentos seguintes são: deitar-se na cama na sala de partos e colocar uns panos esterilizados à volta da barriga, passar com desinfectante pela barriga sobre a pele. Enquanto se prepara os instrumentos o anestesista aplica a epidural ou intradural e coloca-se um cateter na vagina. Apenas quando se verifica que a anestesia está a fazer efeito coloca-se ou vira-se a mamã de barriga para cima e começa-se a abrir a parede do abdómen camada por camada. Assim que se chega ao útero tenta-se retirar o bebé rompendo nos últimos instantes a bolsa de águas. Assim que se retira o bebé corta-se o cordão umbilical e coloca-se em cima da mamã para que esta o possa abraçar (se tiver epidural estará acordada e verá o nascimento do seu filho). Posteriormente cose-se camada a camada a parede do abdómen.

Por vezes a cesariana é programada pois o bebé pode não estar em posição para nascer de parto natural. Pode-se recorrer também por várias outras razões, tais como entrar em trabalho de parto e não fazer a dilatação e recorrer à cesariana, por razões de saúde a equipa médica optar pela cesarina, entre outras razões que podem surgir. Hoje em dia é possível estar acompanhada numa cesariana, desde que não haja complicações e tenha sido programada. O facto de ter tido um filho de cesariana não significa que todos devam nascer da mesma forma.

A recuperação da cesariana é mais dolorosa, é muitas vezes solicitado análgésicos para aliviar os sintomas de dor, os cuidados nos primeiros dias são redobrados, uma vez que se tratou de uma intervenção cirúrgica. Deverá ter cuidados com a cicatrização do corte, desde utilizar uma cinta ligeira, estar alerta caso sinta dificuldade em urinar, os pontos são retirados após uma semana depois da intervenção cirúrgica e deverá ter muito cuidado com os movimentos que efectuar, porque se por uma lado é aconselhado a movimentar-se bastante, por outro deve ter muito cuidado com esforços pois poderá partir os pontos ou criar alguma infecção na zona do corte. Não se esqueça que se tratou de uma intervenção cirúrgica e todos os cuidados são poucos.

 

 

Outros artigos relacionados:



8 Comments

  • Claudia
    Março 6, 2011 | Permalink | Responder

    Desculpe-me, eu passei por uma cesaria e não senti dor alguma depois dela… levantei-me no dia seguinte e só não saí do hospital por causa do próprio protocolo do hospital. Tentei durante 4 horas ter meu filho, passei por dores horríveis, pelas quais não quero passar nunca mais, até desistirem e me levarem para a sala de cirurgia … finalmente!!!!! Por que condenam tanto assim o parto cesariano? Só mesmo por causa do Governo, pois fica mais caro, claro! Por que não condenam mais um aborto? Também custa para o Governo… Por que não posso escolher as vias que quero ter meu bebé e ter um parto mais tranquilo?!
    E, desculpe-me, mas falar de riscos em pleno século XXI… me poupe, hoje, uma cesariana é simples, segura, causa muito menos dor e tem recuperação rápida. Se a paciente sente medo do bisturi, não suporta a perspectiva da dor ou não quer passar pela ansiedade de aguardar sentada o final da gravidez, é melhor que opte pela cesariana e tenha um parto tranqüilo.

    • Tânia Lopes
      Setembro 26, 2011 | Permalink | Responder

      Olá, eu fiz uma cesariana dia 07/06/2011. Apanhei uma grande infecção, até hoje não me disseram porquê. Tive febre durante uma semana após a cesariana (já tinha quando entrei em trabalho de parto), fui ao hospital e passaram-me antibiótico, no dia a seguir começou a escorrer pus pelas pernas abaixo era da cicatriz. Andei dois meses a caminho do hospital pois nunca mais fechava a cicatriz, além de mal puder andar. É uma operação delicada como qualquer outra. È muito melhor parto normal como tive do 1º só dói na altura. Quem fala assim é porque correu bem e graças a Deus, pois não desejo isto a ninguém. Ainda hoje sofro com dores já o bebé tem quase 4 meses.
      Boa sorte quem tenha de fazer uma.

  • mirianmarinho
    Agosto 9, 2011 | Permalink | Responder

    tive um parto cesariana minha pressão subiu muito foi o medo, fora isso não senti nada nem dor nem vi nada pois dormi quendo acordei meu filho já tinha nascido, graças a DEUS lindo saudavel Deus estava ao mau lado Fiel amigo te amo Jesus

    • ana paula
      Novembro 26, 2011 | Permalink | Responder

      ola mirian, acabei de ter um bebe parto cesaria ha 8 dias, graças a Deus meu bebe é lindo e saudavel, mas depois do parto minha pressão esta alta estou muito preocupada e choro o tempo todo pois minha pressão sempre foi 12×8 inclusive durante a gestação vi seu comentario e queria saber se sua pressão subiu depois do parto, e como vc tratou, bjs

  • Novembro 7, 2011 | Permalink | Responder

    ola tive uma cesariana sem nestesia….pois estava muito nervosa meu bebe nasceu antes do que havia previsto,mas hoje quanso tenho relações sinto uma incomodaçao no canal vaginal…pq sera é normal?

  • rossana
    Dezembro 9, 2011 | Permalink | Responder

    fiz uma cesariana,foi horrivel sim, pois meus partos nomais forao totalmente diferentes.Meu abdomem ficou muito dolorido e fiquei totalmente dependente de outras pessoas.

  • Janeiro 29, 2012 | Permalink | Responder

    Ai quero ter árto normal… acho que a cesaria traz mtos riscos, e depois tem os pontos e tal…

  • andrea
    Março 31, 2012 | Permalink | Responder

    estou com 41 semanas e estou com muito medo do parto tomara q der tudo certo que meu bebe chegue com muita saude se deus quiser

Deixe o seu comentário

Deixe o seu comentário, ou efectue uma ligação para este artigo.
Poderá também subscrever estes comentários via RSS.

O seu e-mail nunca será publicado. Os campo obrigatórios estão assinalados como um *