Amor e Segurança

segurançaQualquer criança pequena deve ter as necessidades básicas satisfeitas, que são os cuidados físicos o apoio e a segurança emocional. Se a criança sentir que está a ser bem tratada, tornar-se-à mais determinada e descontraída. Qualquer criança que recebe amor e segurança enquanto é pequena poderá tornar-se mais menos exigente em adulto. O contrário também pode acontecer, uma criança negligenciada emocionalmente poderá tornar-se insegura, medrosa e dependente.

Ao contrário do que se pensa actualmente, os pais não podem limitar o amor e a segurança que dão aos seus filhos com menos deles se tornarem mimados, pois se uma criança deve aprender que não pode ter tudo aquilo que vê, é também importante que se possa sentir amada sem restrições ou condicionalismos.

De nada adianta amar o seu filho se não o demonstrar, esteja certa que o tornará mais forte, no presente e no futuro. O afecto tem resultados emocionais e físicos. Os bebés quando estão ao colo das mães o seu ritmo respiratório é mais lento e mais regular, choram menos e dormem mais, e como resultados muitas das vezes aumentam mais facilmente de peso e “crescem” e tornam-se mais forte e resistentes. É fantástico todo o carinho que uma mãe dá ao seu filho transportando-o ao calor e à segurança do útero. Abraçar e beijar uma criança pequena é a melhor forma de demonstrar que a ama e que se preocupa com ela. Não se esqueça que se os seus filhos virem os pais a abraçarem-se apesar de discutir de vez  em quando, demonstra que o amor existe e continua a existir no seio familiar. É importante também que para além dos gestos de carinho e amor que possam demonstrar aos seus filhos, o digam várias vezes em palavras, principalmente a crianças entre 1 a 3 anos que precisam de ouvir que são amados, e que existe uma reciprocidade do seu afecto. Nunca se iniba de demonstrar o seu carinho e o seu amor pelos seus filhos, não limite ou crie condicionalismos. O amor que é o mais nobre sentimento que existe, é a coisa mais importante que alguma vez poderá partilhar.

Outros artigos relacionados:



3 Comments

  • Tereza
    Abril 1, 2011 | Permalink | Responder

    Meu filho está mudando o jeito de escrever porque achou a letra do colega mais interessante. Ele acabou de fazer 11 anos e acho que deve ter seu prorio estilo. Como o estilo do colega e escrever em letra de forma, disse ao meu filho que não quero que copie este jeito d escreveer do colega, porque ainda estão NA fase de aprimorar a escrita e qe ele deve continar com a letra cursiva.
    No fundo minha preocupação é apenas pelo fato do meu filho estar copiando um modelo de outro e deixando de CRIAR SEU PROPRIO ESTILO.

  • laura
    Outubro 22, 2010 | Permalink | Responder

    estou indo para santa catarina e um filho de quatro meses mais estou com muito medo do frio,eu gostaria de saber se faz medo e se ele pode se adaptar a tipo de clima?

  • ana laura
    Outubro 22, 2010 | Permalink | Responder

    estou indo pra santa catarina e tenho um filho de quatro meses e estou com medo do frio,gostaria de saber que roupa usar e se pode se adaptar com outro clima?

Deixe o seu comentário

Deixe o seu comentário, ou efectue uma ligação para este artigo.
Poderá também subscrever estes comentários via RSS.

O seu e-mail nunca será publicado. Os campo obrigatórios estão assinalados como um *